Requerimento No 4761/2018

TEXTO COMPLETO

Requeremos à Mesa, ouvido o Plenário e cumpridas as formalidades regimentais,
que seja formulado Voto de Aplausos a Cristiane Bezerra Vasconcelos, Fernando
Erb Marques e Lima Júnior pela realização do Balaio Cultural – edição 2018.

JUSTIFICATIVA

Com quase cem edições, o Balaio Cultural é um movimento de resistência da
cultura popular em Tuparetama, sertão do Pajeú.
Evento gratuito e aberto ao público, realizado mensalmente e que já revelou
muitos talentos da poesia e da música. Já passaram pelo palco do Balaio
artistas como: Lirinha (Cordel do Fogo Encantado) Maciel Melo, Antônio Marinho,
Em Canto e Poesia, Vates e Violas, Flávio Leandro, Irah Caldeira, Luizinho de
Serra, Dedé Monteiro e mais de 100 artistas de relevância Estadual em sete anos
de edições mensais.
Idealizado em sua formação inicial pelo coletivo de artistas de Tuparetama,
hoje é dirigido pelos produtores culturais Fifita Luciano e Fernando Marques, é
apresentado pelo poeta e escritor Lima Júnior.
O palco do Balaio já sediou cantoria de viola, mesa de glosas, declamações,
Feiras Literárias e é um importante agente de transformação social, na ligação
que exerce com a juventude e no resgate das autênticas manifestações culturais.
Elevando o nome do município à referencial Estadual dos polos de cultura e
ingressando nas principais agendas do segmento em Pernambuco, o Balaio Cultural
não pode ser objeto de discussão partidária, visto a dimensão superior que a
cultura ocupa e que deve ser vista e respeitada com a atenção que a causa
merece.
Além disso, o evento reúne cerca de 3 a 4 mil pessoas mensalmente na cidade, o
que indiscutivelmente movimenta a economia da cidade e fomenta o pequeno
empreendendor.
O evento nasceu no final da segunda gestão do prefeito Sávio Torres, quando
tinha o poeta Valdir Teles como Secretário de Cultura, assumindo a produção
desde sua primeira edição os entusiastas Fifita Luciano e Fernando Marques.
Através deste requerimento, cumprimento todos os fazedores e fazedoras de
cultura que fazem parte da nação Pajeuzeira. O sertão do Pajeú, que é uma
região rica, e que exporta cultura para diversas partes do país, sai na frente
mais uma vez quando se propõe a realizar eventos deste porte. O Balaio Cultural
é um acontecimento que já faz parte da rotina viva e pulsante de Tuparetama, e
já está consolidado como um marco importante naquela região.
Perante o exposto, solicito aos meus pares a aprovação deste requerimento.